Feb 7, 2017

Pétala de cristal

Delicada, sensível,
Extremamente frágil,
Suportas no meu ventre,
Parte de mim,
A minha esperança,
O meu desejo de dar vida,
O meu sonho de ser mãe.

Pétala sensível que carrego,
Com medo de partir,
Com medo de perder.

De coração nas mãos me deixas,
Com a vida parada,
Abandonada lá fora.

Não me deixas viver,
Mas sim anseias que te mime,
Que te idolatre para que essa vida,
Que suportas em mim a mim me possas dar.

No comments: