Dec 15, 2016

Espera natalícia

O dia acordou coberto por um manto de nevoeiro. O frio brinda o mês de Dezembro deixando a inevitável ideia, o Natal aproxima—se.
As pessoas correm nos seus afazeres, inserindo no seu tempo a preocupação das prendas e da ceia do dia 24.
Alheios a esta azáfama estão todas as pessoas que por algum motivo não podem participar, por doença ou incapacidade. Ficam no seu canto,em suas casas. O que fazem essas pessoas para preparar o Natal? Nada, pois nada podem fazer. Limitam—se a esperar que a noite mágica chegue e anseiam que os seus entes queridos se juntem à sua volta.
O tempo para estas pessoas é o tempo de per si ao contrário do tempo de quem vive a azáfama.
O Natal é um momento vivido a ritmos diferentes. Quem espera anseia, quem prepara nem tem tempo para esperar.

No comments: