Jan 22, 2015

Folha em branco quase escrita

Olho para uma folha em branco e vejo tudo,
Tudo o que nada vejo,
Tudo o que nada sinto,
Tudo o que para sempre desejo.

Olho para uma folha escrita e vejo nada,
Palavras vazias e textos ocos,
Imagens bonitas de quase nada,
Notícias forçadas e fatos loucos.

Olho para as pessoas e vejo o quase,
Quase felizes e quase tristes,
Quase invejosos e quase orgulhosos,
Quase a viver e quase a morrer.

Olho para mim e olho para o lado,
O mim é meu e o do lado também seria,
Seria se injustiça não houvesse,

E se o lado para a minha felicidade não importasse.

3 comments: