May 26, 2014

Tó Tuga, fila de abstenção

Tó Tuga e sua esposa Maria foram votar à escola primária lá da zona. Os dois tinham mesas de voto diferentes. Tinham combinado esperarem cá fora um pelo outro.
Tó Tuga lá foi. Maria despachou-se primeiro e esperou cá fora. Tó Tuga nunca mais vinha. Estava um vento frio, ela queria ir para casa e seu marido demorou, demorou.
Passada uma hora, lá veio ele, com ar esbaforido e cansado.
-Oh homem! Demoraste tanto tempo? Na minha sala fui logo a primeira. Porque demoraste?
-Olha! Na minha estava uma fila descomunal!
-A sério? Então?
-Eram mais que as mães!
-Estranho! Estou aqui fora e vejo as pessoas entrarem e saírem logo a seguir.
-Olha então é porque na minha ficou a abstenção toda! Xiça! Tanta mesa de voto e tinham logo que escolher a minha!

No comments: