Feb 28, 2014

Timming de estrela

Tudo na vida é uma questão de sorte!
Mesmo os mais corajosos e determinados são-no porque, já à partida, tiveram sorte ao nascer. São raros os exemplos de crianças que têm o azar de vir ao mundo num país subdesenvolvido ou numa família desestruturada ou ausente que terão uma vida feliz.
Quando alguém diz que tu és o resultado das tuas escolhas não está 100 % correto pois há fatores determinantes que condicionam a nossa existência logo à partida.
Há ainda outro aspecto que eu chamo de: “Timming”. Chegar aos sítios na hora certa e conhecer as pessoas no minuto oportuno! Isto é válido quer para a vida pessoal quer para a profissional. Neste campo então é marcante! Se pensarmos bem e olharmos, por exemplo, para ex-colegas da escola, com a mesma formação e idade e nos questionarmos porque é que uns possuem cargos de direção e outros continuam numa vida de assalariados.
Esta “altura certa” poderá ser frustrante se refletirmos muito nela. Por vezes dá a sensação que existe “alguém” a brincar com os peões em tabuleiros de xadrez e só alguns fazem xeque-mate.
Duas atitudes, esses pobres assalariados tomam: continuam a lutar para chegar lá ou então deixam-se ficar, passando pela vida como breves personagens secundários de um filme em que alguém é a estrela.
Os lutadores enfrentam a frustração do tal “Timming” vezes sem conta, raros conseguem e muito desistem pois é realmente cansativo viver a vida como se tivessem sempre numa batalha. Os que se entregam vão fazer companhia às personagens secundárias. Uns deprimidos outros satisfeitos com o fato de ter ao menos tentado, possuindo papeis menores mas com uma bagagem que os conforta.

Eu prefiro pensar que todos nós somos personagens de vários filmes que se cruzam entre si e por mais que o tal mal fadado “Timming” não nos visite, num desses argumentos eu serei a atriz principal.

No comments: